sexta-feira, abril 06, 2012

CONGRESSO NACIONAL UM BANKER DE DEGENARADOS CHAPA-BRANCA




CONGRESSO NACIONAL
UM BANKER DE DEGENARADOS CHAPA-BRANCA

Como bem o disse o jornalista Carlos Chagas, 9 anos e 3 meses após a tomada do poder pelo PT, a propaganda enganosa desse governo incompetente continua inundando o Brasil, apregoando a criação de milhões de empregos; a ascensão das massas miseráveis à classe média; e a senhora Dilma Roussef, acuada pela petralhada lulista sem escrúpulos, continua surfando nas ondas de um sucesso popular imerecido pelo fato de o Brasil haver ingressado no ranking das potências econômicas do mundo.

Ora, se há algum sucesso econômico e social a comemorar nos últimos 16 anos, isso não se deve ao Lula, nem a Dilma e muito menos ao PT, e sim às iniciavas empresariais privadas e em grande parte à herança bendita deixada pelos governos tucanos, criadores do Proer; das bolsas que Lula se apoderou como invento seu; das leis de responsabilidades fiscais vigentes; dos atuais mecanismos de inclusão social;  e responsáveis diretos pelo fim da inflação galopante, pelas privatizações bem sucedidas, pela tão desejada quebra de monopólios estatais (historicamente ineficientes) e por políticas públicas que criaram condições para a modernização do Estado brasileiro. 
  
A cantilena miserável dessa petralhada ignara enche de orgulho os tolos e pelegos de um governo ineficiente que transformou o Brasil no paraíso da corrupção e da roubalheira sem remédio.

Ora, enquanto os tolos dessa suposta esquerda burra e xenófoba aplaudem o populismo do governo petista (o que mesmo tem feito Dilma até agora?) eu olho para os perímetros urbanos e o que vejo por aí são imagens velhas de velhos, adultos e crianças nas filas de uma saúde sucateada ou esmolando nas ruas imundas e também muita pobreza nas periferias das cidades, com famílias inteiras vivendo à míngua e sob dependência química do crack; sem contar com a onda de insegurança social, com a bandidagem assaltando, sequestrando, matando e depredando o patrimônio público impunemente.

Parafraseando o poeta, Ricardo Alcântara, o mais que o PT conseguiu ao longo de 9 anos foi implantar no Brasil a máfia do mensalão (que continua operando impunemente nos dias atuais) tanto que transformou o Congresso Nacional num BUNKER DE DEGENERADOS CHAPA-BRANCA, já que quase todos os parlamentares são cúmplices e coniventes com a corrupção desenfreada; são dependentes de favores da corte para gozarem de impunidade e cada vez mais propensos aos desvios de comportamentos e de verbas públicas para o financiamento das campanhas milionárias dos camaradas.


A prosperidade econômica dos políticos no Brasil tem uma relação direta com a corrupção, seja pela via das famigeradas emendas parlamentares, seja através de ONGs fajutas mantidas por instituições públicas gerenciadas por autoridades inescrupulosas que se empenham em transformar a máquina estatal em cabides de empregos para uma camarilha de despreparados, a maioria vivendo de favores, sinecuras e das benesses concedidas pelo poder central.