sexta-feira, julho 27, 2012

O STF TAMBÉM SERÁ JULGADO PELO BRASIL




O PT não é um partido de esquerda, nem de direita, nem de centro. O PT tornou-se, sob a liderança de Lula e comando de Zé Dirceu, uma organização controlada por um bando de criminosos renitentes e empedernidos que achava que os crimes cometidos às escâncaras acabariam em pizza. Ledo engano e tudo indica que a coisa vai ficando cada vez mais preta para os 37 meliantes, não por vontade da justiça (que protelou o quanto pode o julgamento) mas por muita pressão da Acusação e também da sociedade esclarecida conectada às redes sociais.

A Ação Penal 470, conhecida popularmente por MENSALÃO,  jamais deixará de ser vista como uma mancha negra na trajetória política do PT com seus delinquentes de estimação, e cada membro do bando será lembrado para sempre nos compêndios criminais da história da Nação Brasileira pela mentiras mentidas, desmentidas e mentidas novamente a cada prova ou contradição. 

A ilustre ministra Eliana Calmon, corregedora nacional da Justiça, tem bastante razão quando afirma que o STF também será julgado pela opinião pública a partir do dia 2 de agosto. Claro que será julgado por todos nós. Ademais, não se pode prever e muito menos subestimar as reações encadeadas da população no caso de o STF vir a inocentar a quadrilha sob pretexto de teses espúrias ou por invocação de aspectos meramente legalistas e formalistas.

Claro está, claríssimo até demais, que o STF tem a prerrogativa constitucional da última palavra. Mas ocorre que, numa democracia juridicamente federada e que tende a ganham vigo à medida mesma em que vai embasando as decisões jurídicas mais perfeitas com base nos bons costumes e bons princípios, nenhuma decisão isolada do STF ou de qualquer outra instância de poder, pode decidir contrariando o interesse, a vontade e legitimidade soberana do POVO.

É mais do que evidente que um punhado de senhores togados não têm legitimidade soberanamente social (tem legitimidade funcional)  nem o direito de sobrepor suas vontades de modo a afrontar ou a contrariar a vontade soberana do grande conjunto da sociedade da Nação, afinal, ainda há na Nação brasileira milhares de inteligências privilegiadas que sabem tão bem ou até mais de JUSTIÇA-JUSTA do que muitos desse senhores que posam togados na foto do STF.


Ministra Rosa Weber substituiu a bela Ellen Gracie. 

Evidentemente que cada um dos ministro do STF sabe que tem, sim senhor, obrigatoriamente, de levar em conta a consciência nacional dos fatos deprimentes do mensalão e sabem, principalmente, que devem muitas satisfações dos seus atos à imensa maioria de CIDADÃOS e CIDADÃS que forem e continuam vítimas dos réus do mensalão, afinal, os crimes de cada um desses patifes não foram reparados e nenhum quadrilheiro ou réu foi punido até a presente data.

É preciso, portanto, que fiquemos bastante atentos ao julgamento, que ocorrerá nos próximos dias, de cujo resultado dependerá e muito, da nossa fiscalização e manifestação destemida. O que desejamos com esse chamamento objetiva apenas que sejamos cidadãos brasileiros conscientes, pelo menos durante o mês de agosto de 2012, quando correrá naquela antiga Casa de Suplicação, o desfecho de um dos ATENTADOS mais grotescos contra a raquítica democracia brasileira, e que ocorrerá com abundância de PROVAS CONDENATÓRIAS, às vistas de todos NÓS, BRASILEIROS indignados, enganados e roubados pelo BANDO liderado por ZÉ DIRCEU e por LULA, seu chefe imediato. 


Quanto a isso, não há em sã consciência quem possa duvidar, nem mesmo estando ébrio ou contando dinheiro receptado desse bando. Tanto é verdade que o próprio Marcos Valério, ao exemplo de como procedeu em 2011, resolveu questionar a ausência de Lula entre os réus do processo, tendo afirmando inclusive que, para ser justa a acusação do procurador, Roberto Gurgel, o nome do principal beneficiário do esquema deveria estar na lista. 


 Marcos Valério jura de pés jutos que as patifarias eram feitas com a autorização do tesoureiro do PT, Delúbio Soares, quem por sua vez jura diante da petralhada inteira que não fez nada sem a autorização do alto comando do PT; comando este de "companheiros" que não faziam nenhuma operação sem a autorização do todo poderoso chefe da casa civil, José Dirceu, esse sujeito que agora ameaça dizer que tudo era feito com o conhecimento e autorização da autoridade máxima do PT e do PODER: Lula, o homem que nunca soube de nada enquanto as tramoias se desenrolavam debaixo das suas barbas de bode sujo e fedento. Como diz o jornalista Augusto Nunes, se cinismo desse cadeia, nenhum desses meliantes "chapa branca" escaparia de no mínimo uma década na cadeia. 



Portanto, todas as provas estão nas mãos e nas consciências dos doutores togados do STF e deles dependerão o futuro ético e moral da Nação Brasileira, de modo que resta-nos ficarmos bastante atentos aos procedimentos de cada um dos nomes listados abaixo:

Ministro Ayres Britto - Presidente
Ministro Joaquim Barbosa - Vice-Presidente
Ministro Celso de Mello
Ministro Marco Aurélio
Ministro Gilmar Mendes
Ministro Cezar Peluso
Ministro Ricardo Lewandowski
Ministra Cármen Lúcia
Ministro Dias Toffoli (Suspeitíssimo)
Ministro Luiz Fux
Ministra Rosa Weber